Header Ads Widget

Linguagem dos gatos: como seu gato se comunica com você


Assim como ocorre com bebês, decifrar as necessidades dos animais domésticos nem sempre é simples. Com o tempo, os tutores de gatos e cachorros vão se familiarizando com a comunicação dos seus pets, observando certos sons e comportamentos típicos.

No entanto, muitos desses comportamentos são universais entre os animais e podem ser compreendidos com o auxílio de orientações gerais. Por isso, este guia foi criado para auxiliar os tutores de gatos a reconhecerem os principais sinais da linguagem dos pets e interpretá-los. Continue a leitura e descubra mais sobre como os gatos se comunicam.

 

Linguagem verbal dos gatos

Os gatos se comunicam de maneira oral, usando uma variedade de sons como miados, ronronados e outros ruídos característicos. Cada som tem sua própria função na comunicação felina, desde expressar emoções e pensamentos até indicar desejos e intenções do felino. Alguns sons são agradáveis, como os miados suaves e ronronados, enquanto outros são mais altos e podem ser incômodos, como os uivos e grunhidos. Entender esses sons pode ajudar os tutores a se comunicarem melhor com seus gatos.

GRUNHIDOS - Grunhidos de gatos são sons guturais e intensos que os felinos emitem para demonstrar irritação, raiva ou estresse. Quando um gato está grunhindo, é melhor manter uma certa distância e permitir que ele se acalme sozinho.

Esses sons geralmente indicam que o gato não está se sentindo confortável com a situação ou com algo ao seu redor. É importante respeitar o espaço do gato e evitar qualquer interação que possa aumentar sua irritação.

MIADOS - Miados são os sons mais comuns e variados emitidos pelos gatos. Eles podem significar uma variedade de coisas, desde alegria e comunicação até medo e dor. Os gatos frequentemente utilizam miados para se comunicar com os humanos, mais do que com outros gatos.

Miados altos e agudos podem indicar alerta para uma situação perigosa ou desconfortável, enquanto miados insistentes podem ser um sinal de fome ou desejo por atenção. É importante estar atento ao miado do seu gato para entender suas necessidades e responder adequadamente. 

UIVOS - Os uivos são sons altos e prolongados emitidos pelos gatos, geralmente em situações específicas. Esses sons são comumente associados a brigas entre gatos machos ou podem ser usados para expressar estresse ou atrair fêmeas durante o período de cio.

Quando um gato emite uivos, pode estar indicando seu estado emocional ou tentando se comunicar com outros animais ao seu redor. É importante estar ciente do contexto em que os uivos ocorrem para entender melhor o que o gato está tentando transmitir.

ROSNADOS - Os rosnares são vocalizações graves e ásperas produzidas pelos gatos, frequentemente em situações de tensão, irritação ou ameaça. Quando um gato rosna, está indicando que se sente incomodado, estressado ou desconfortável com algo em seu ambiente.

Esses sons são uma forma de comunicação defensiva e servem como um aviso para outros animais ou pessoas se afastarem. É importante respeitar o espaço do gato quando ele está rosnando e evitar interações que possam aumentar seu desconforto.

RONRONADOS - Os ronronados são sons suaves e vibrantes emitidos pelos gatos, geralmente quando estão se sentindo confortáveis, felizes ou relaxados. Essa vocalização é uma forma de comunicação positiva e afetuosa, muitas vezes associada ao contentamento do felino.

Os gatos podem ronronar ao receber carinho, enquanto estão deitados em um lugar aconchegante ou durante a interação com seus tutores. Os ronronados também podem ter propósitos terapêuticos, ajudando os gatos a se acalmarem em situações de estresse ou desconforto. 

TRINADOS - Os trinados são sons suaves e melodiosos emitidos pelos gatos, também conhecidos como chilros. Essa vocalização é uma forma amigável de comunicação utilizada pelos felinos para saudar seus tutores e outros gatos conhecidos. Os trinados são expressões de afeto e comunicação positiva, muitas vezes acompanhados de momentos de interação próxima com seus donos.

Além disso, os gatos inteligentes podem utilizar os trinados para solicitar comida, indicando que estão com fome e desejam ser alimentados. Quando um gato começa a ronronar, miar ou trinar perto de você, é um sinal de que ele está buscando sua atenção e possivelmente procurando por uma refeição saborosa.

SIBILAR - O sibilar é um comportamento dos gatos em que eles expiram rapidamente o ar pela boca, produzindo um som alto e semelhante a um assobio. Esse comportamento geralmente ocorre quando o gato se sente ameaçado, irritado ou estressado. É uma forma de defesa ou aviso para afastar potenciais predadores ou ameaças percebidas. Quando um gato sibila, é importante dar espaço e evitar qualquer ação que possa aumentar seu desconforto, permitindo que ele se acalme por conta própria. 


 

Linguagem corporal dos gatos

Assim como a linguagem verbal dos gatos, sua linguagem corporal também pode revelar muito sobre seus sentimentos. Observando atentamente os comportamentos do seu felino, você pode descobrir que ele se comunica com você muito mais do que você imagina. Abaixo, estão alguns desses sinais reveladores.

CONTATO VISUAL - Os gatos estabelecem contato visual com seus entes queridos, sejam humanos ou outros gatos, como forma de demonstrar amor e companheirismo. As piscadas lentas são um gesto carinhoso dos felinos para expressar seu afeto pelos tutores.

Você pode retribuir esse carinho oferecendo petiscos e guloseimas saborosas, como as Rações Úmidas para Gatos. Com esses alimentos deliciosos, seu gato se sentirá verdadeiramente amado.

CAUDA - A posição da cauda é um reflexo do estado de espírito do seu companheiro felino. Uma cauda alta e ligeiramente curvada na ponta indica que seu gato está relaxado e contente. Se o gato enrolar a cauda em torno do próprio corpo ou entre as pernas, pode significar que está na defensiva ou com medo.

Movimentos repetitivos e ritmados da cauda sugerem um estado de concentração extrema do felino, possivelmente durante uma de suas caçadas. Como pode notar, o rabo do gato é um excelente indicador de seus pensamentos - portanto, fique atento a essa parte do corpo do seu felino para decifrar seus comportamentos.

ORELHAS - As orelhas do seu amigo felino também revelam seus sentimentos. Orelhas levantadas e levemente viradas para o lado são sinais de felicidade e conforto, geralmente apreciados pelos tutores.

Quando as orelhas estão eretas e viradas para frente, significa que o gato está em estado de alerta. Orelhas mais baixas estão associadas a situações de estresse e medo. Observar esses pequenos sinais é essencial para compreender melhor o seu felino. 

CONTATO CORPORAL - Se o seu gatinho adora ficar em seu colo e brincar ao redor de suas pernas, é sinal de que ele aprecia sua companhia e deseja demonstrar seu afeto ficando próximo de você. Lambidas, batidinhas de cabeça e mordidinhas leves também são gestos de carinho que os gatos utilizam para expressar seu amor.

Além disso, os gatinhos podem se esfregar nos tutores para transferir seus feromônios e marcar território. Como forma de retribuir toda essa atenção, você pode oferecer ao seu felino sachês para gatos, que oferecem uma variedade de sabores e texturas para agradar aos mais exigentes paladares felinos.

POSTURA - Quando um gato se deita confortavelmente de barriga para cima, está mostrando confiança e vulnerabilidade para alguém em quem confia profundamente. Os gatos geralmente evitam expor sua barriga, então essa posição demonstra um grande nível de segurança.

Portanto, ao ver seu amiguinho nesta postura, não hesite em acariciar sua barriga, pois isso fortalece o vínculo entre vocês. Por outro lado, se o gato estiver com as costas arqueadas, é sinal de que se sente ameaçado e pode reagir com agressividade. Antes de interagir com seu gatinho, observe sua postura para garantir que seus gestos de carinho, petiscos e brinquedos serão bem recebidos.

OLHOS - Além do contato visual e das piscadelas, as pupilas dos felinos são indicadores poderosos de seu estado emocional. Pupilas dilatadas, em vez das tradicionais em formato de fenda, revelam uma ampla gama de emoções, como excitação, medo ou outros sentimentos intensos. Assim, o ditado "os olhos são as janelas da alma" se mostra bastante aplicável aos felinos.

Agora que você possui um entendimento mais profundo sobre a linguagem dos gatos e sabe como interpretar alguns dos comportamentos do seu felino, a convivência entre vocês se tornará ainda mais agradável.

 

 

 

 

 

 

Postar um comentário

0 Comentários